Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Rio Grande do Sul
Governo publica decreto com novo sistema de monitoramento da pandemia no RS
O "Sistema 3As de monitoramento" que substitui o modelo do Distanciamento Controlado entrou em vigor à meia-noite deste domingo
CP
por  CP
16/05/2021 12:06 – atualizado há 3 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

O governo do Rio Grande do Sul publicou o decreto com o novo sistema de monitoramento da pandemia no Estado. O "Sistema 3As de monitoramento" entrou em vigor à meia-noite deste domingo e substitui o modelo do Distanciamento Controlado, usado ao longo de 2020 e este ano, onde aumenta o diálogo com as prefeituras e se adequa ao novo momento, considerando também o ritmo da vacinação.

O sistema de monitoramento mede indicadores que apontam os riscos de aumento da propagação e de colapso do sistema de saúde. As regras matemáticas não são pré-determinadas e uma equipe técnica, representada pelo Grupo de Trabalho (GT) Saúde do Comitê de Dados do governo do Estado, ficará responsável por emitir "Avisos" às regiões e alertas ao Gabinete de Crise, que poderá confirmá-los ou não. Boletins diários são gerados por regiões e disponibilizados no site oficial do sistema, disponível neste link.

Em situação de "Alerta", a região tem 48 horas para responder sobre o quadro regional da pandemia e apresentar um plano de "Ação" a ser tomado como, por exemplo, adoção de protocolos mais rígidos, ações de fiscalização, entre outras iniciativas. Se o Gabinete de Crise considerar adequada a resposta da região, o Plano de Ação é imediatamente aplicado, e a região segue sendo monitorada pelo Gabinete de Crise e GT Saúde. Se o Gabinete de Crise não considerar adequada a resposta, o governo do Estado poderá estipular ações adicionais a serem seguidas na região.

Protocolos

Protocolos gerais obrigatórios a todas as regiões:

Em qualquer lugar

Uso de máscara
Distanciamento mínimo de dois metros
Ventilação natural dos espaços
Limpeza das mãos com álcool 70% ou água e sabão

No trabalho

Manter atuação remota sempre que possível
Busca e encaminhamento à saúde de trabalhadores com sintomas respiratórios
Isolamento domiciliar dos casos suspeitos até testagem
Rodízio da ocupação dos espaços coletivos

Atendimento ao público

Respeito à lotação máxima, com divulgação dos limites
Definição de fluxo de entrada e saída
Disponibilização de álcool 70%
Distanciamento de dois metros
Proibição de aglomeração.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...