Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cidade
Emater/RS-Ascar e Prefeitura de Charrua promovem capacitação em Plantas Medicinais
Através do projeto Plantando Saúde, agentes e voluntários buscam se qualificar e resgatar o conhecimento com o uso terapêutico das plantas medicinais como promotoras da saúde
Ascom Emater/RS-Ascar - Regional de Erechim/ Jornalista Terezinha Mariza Vilk
por  Ascom Emater/RS-Ascar - Regional de Erechim/ Jornalista Terezinha Mariza Vilk
02/05/2022 21:10 – atualizado há 23 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

Integrantes voluntários das comunidades e agentes de saúde integrantes do projeto Plantando Saúde de Charrua participaram de mais uma capacitação em plantas medicinais promovida pela Emater/RS-Ascar, em parceria com a Prefeitura de Charrua, na quinta-feira (28/04). A atividade foi realizada no Centro de Convivência do município e foi coordenado pela extensionista rural do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar Roseli Lazzarotti Bonesso, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social.

Foto: Divulgação Emater/RS-Ascar

Através do projeto Plantando Saúde, agentes e voluntários buscam se qualificar e resgatar o conhecimento com o uso terapêutico das plantas medicinais como promotoras da saúde. Os encontros que acontecem mensalmente têm a premissa de estimular a população à autonomia da sua qualidade de vida, com o reforço de ações comunitárias, ao uso e apropriação do conhecimento das plantas medicinais.

Foto: Divulgação Emater/RS-Ascar

Neste último encontro foi realizada uma oficina com a elaboração de dois tipos de pomadas, uma com ação cicatrizante e outra para dores musculares, usando plantas medicinais bastante conhecidas pela comunidade e também referendadas pela Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos dentro das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PNPICS). As plantas utilizadas foram erva baleeira, confrei, malva, bardana, mil folhas e tansagem, que também são cultivadas no Horto Municipal de Plantas Medicinais. A receita da pomada, que é uma fórmula caseira e muito eficaz, foi um resgate com a população de uma fórmula bastante antiga, que perpassou gerações, e foram utilizadas além das plantas outros componentes como gordura animal, cera de abelha e própolis.

Foto: Divulgação Emater/RS-Ascar

Também esteve presente a primeira-dama Dirce Della Betta, que é integrante do grupo e incentivadora do projeto desde o início, com a implantação do Horto de Plantas Medicinais em 2019.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE