Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
AFP
Mundo
Alemanha e Bélgica: Veja imagens das inundações que deixaram dezenas de mortos
Além de 121 mortos outras 1.300 pessoas são consideradas desaparecidas.
G1/AP/BBC/AFP
por  G1/AP/BBC/AFP
16/07/2021 09:28 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

Ao menos 121 pessoas morreram devido às chuvas que têm caído nos últimos dias na Europa e estão fazendo os rios transbordarem e levarem tudo pelo caminho.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

A tragédia ocorre principalmente na Alemanha, onde 103 mortes foram confirmadas até o momento e 1,3 mil pessoas estão desaparecidas apenas em um distrito ao sul de Colônia, no oeste do país.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

Mas as chuvas têm causado transtornos também na Bélgica, na Holanda, na França, na Suíça e em Luxemburgo, embora em menor intensidade. Há também 14 mortos e 4 desaparecidos na Bélgica.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

O número de vítimas pode aumentar consideravelmente, com relatos de deslizamentos de terra e casas sendo arrastadas pela água ou desabando devido à força da água nesta sexta-feira (16).

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

Imagens áreas divulgadas pelas autoridades do distrito de Colônia mostram uma cratera formada por um deslizamento de terra imenso causado pelo excesso de água, que arrastou lama e destroços (veja na imagem acima).

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

O que se sabe até o momento:

• 113 mortos na Alemanha

• 14 mortos e 4 desaparecidos na Bélgica

• As regiões mais afetadas na Alemanha são os estados da Renânia do Norte-Vestfália e Renânia-Palatinado

• 1,3 mil pessoas desaparecidas no distrito de Ahrweiler, na Renânia do Norte-Vestfália, a cerca de 40 km ao sul da cidade de Colônia

• 114 mil casas estão sem energia nos 2 estados, segundo a maior empresa de distribuição do país.

  • 1,3 mil desaparecidos
Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

As fortes enchentes no oeste da Alemanha transformaram ruas em rios com correntezas violentas, que "varreram" carros, arrancaram árvores e derrubaram ou arrastaram algumas edificações.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

Comunidades inteiras ficaram em ruínas após rios transbordarem e varreram cidades e vilas, sobretudo nos estados alemães da Renânia do Norte-Vestfália e Renânia-Palatinado.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

Autoridades alemãs confirmam que 1,3 mil pessoas são consideradas "não reportadas" apenas no distrito de Bad Neuenahr-Ahrweiler, ao sul da cidade de Colônia.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

As redes de telefonia móvel entraram em colapso em algumas das regiões atingidas pelas enchentes, e pessoas não estão conseguindo falar com familiares e amigos desaparecidos.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

Ao menos 114 mil casas estão sem energia nos estados da Renânia do Norte-Vestfália e Renânia-Palatinado nesta sexta, anunciou a Westnetz, maior empresa de distribuição do país.

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP

A infraestrutura foi completamente destruída e a reconstrução custará muito tempo e dinheiro, disse a premiê da Renânia-Palatinado, Malu Dreyer, a uma televisão alemã. "O sofrimento continua aumentando".

Foto: Rhein-Erft-Kreis via AP e AFP
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...