Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
BR-376, a rodovia que liga o PR e SC tem histórico de graves acidentes
O acidente envolvendo um ônibus na manhã desta quinta-feira (6) é mais um dos graves acidentes registrados na rodovia
NSCTotal
por  NSCTotal
09/07/2021 10:52 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

O acidente envolvendo um ônibus na manhã desta quinta-feira (6) na BR-376 é mais um dos graves acidentes registrados na rodovia que liga o Paraná e Santa Catarina. Duas pessoas morreram depois que o ônibus que levava um time de futsal do PR para Jaraguá do Sul tombou.

Havia 22 pessoas no ônibus envolvido no acidente (Foto: divulgação/PRF)

Na mesma região da Serra entre o PR e SC, entre tragédias recentes está o tombamento de um ônibus de turismo que vitimou 19 pessoas em janeiro deste ano.

O ônibus com placas de Belém (PA) tombou no quilômetro 668 da rodovia federal, em um trecho conhecido como curva da Santa, em Guaratuba (PR). Ele tinha como destino Balneário Camboriú. Entre as vítimas fatais estavam uma criança, cinco adolescentes e 13 adultos. Além dos mortos, mais de 20 pessoas se feriram no acidente.

Ônibus saiu da pista e tombou às margens da BR-376(Foto: Redes sociais)

Em depoimento, o motorista do ônibus disse que a causa da batida foi falta de freios no veículo. Ainda em sua versão, ele tentou usar a área de escape após perceber problemas de frenagem.

No entanto, não conseguiu entrar na área por causa de um caminhão que estaria ao lado direito. Foi neste momento, cerca de um quilômetro depois, que ele bateu na mureta e caiu no barranco.

Meses depois do acidente, a Polícia Civil concluiu o inquérito que apurou o caso e trouxe uma versão diferente. Segundo o delegado, o ônibus estava em alta velocidade e sem manutenção. O caso também envolveu, segundo a polícia, transporte clandestino de passageiros.

Três acidentes em um mês

Três outros casos aconteceram em abril deste ano. Os motoristas conseguiram escapar apesar da gravidade dos acidentes. Em um deles, o condutor de uma carreta evitou o que poderia ter sido um acidente grave na BR-376.

De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária que administra a rodovia, o motorista conduzia uma carreta com carga de 18,4 toneladas de alimentos quando percebeu problemas no motor do veículo.

Câmeras de monitoramento, instaladas na rodovia de ligação entre Santa Catarina e Paraná, registraram o momento em que ele entra na área de escape, no quilômetro 671.

Câmeras de monitoramento registraram momento em que veículo entra na área de escape(Foto: Arteris Litoral Sul, Divulgação)

Outro caso que chamou atenção foi o de um motorista de 35 anos que saltou da carreta que dirigia após perder o controle do veículo no quilômetro 668 da BR-376.

Segundo depoimento dele à Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele foi fechado por outro caminhão e, ao tentar retornar à pista, o movimento brusco o fez perder o controle.

Ainda em abril, uma retroescavadeira caiu do caminhão pelo qual era transportada. O acidente causou uma fila de mais de 14 quilômetros. Não houve vítimas no acidente. O caminhão tombou lateralmente na margem da pista, mas o condutor, 43 anos, não se feriu.

Acidente aconteceu por volta das 9h30(Foto: divulgação/PRF)
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...