Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Esporte
Inter enfrenta o São Paulo pelo Brasileirão no Beira-Rio
Colorado aposta em força ofensiva para superar o Tricolor paulista nesta quarta-feira, às 21h30min.
Correio do Povo
por  Correio do Povo
07/07/2021 16:59 – atualizado há 2 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

Diego Aguirre pôde aproveitar pouco do trabalho do seu antecessor. Embora não comente sobre o que aconteceu antes de sua chegada, ele começou o trabalho de remontagem da equipe colorada do zero. A princípio, debruçou-se sobre a defesa, que ainda é a segunda mais vazada do Brasileirão, mas não permitiu mais goleadas. Agora, o técnico pretende encontrar soluções para o ataque, que marca poucos gols. A ideia é que o Inter já apresente mais força ofensiva na noite de hoje, às 21h30min, quando enfrenta o São Paulo, no Beira-Rio.

Além de poucos, a maioria dos gols colorados são marcados com jogadas de bola parada. Dos dez feitos até agora no Brasileirão, cinco foram de pênalti. “Não estamos criando muitas chances de gol, mas acho que o adversário também não”, enfatizou Diego Aguirre, lembrando da ausência de nomes como Taison e Caio Vidal.

Caio Vidal, aliás, cumpriu suspensão na rodada passada, e já volta ao time hoje. Taison está treinando normalmente desde o início da semana e não será surpresa se ele aparecer no banco de reservas, pelo menos. A ideia, porém, é preparar o atacante para o clássico Gre-Nal, sábado à tarde, na Arena. Edenilson e Cuesta também estão fora, ambos por suspensão. Por isso, é provável que Diego Aguirre promova a estreia do zagueiro uruguaio Bruno Méndez.

O São Paulo, assim como o Inter, não vive um bom momento na temporada, sendo que a crise são-paulina é ainda mais profunda. O time treinado pelo argentino Hernán Crespo ainda não venceu no Brasileirão e vai para a 10ª rodada afundado na zona de rebaixamento.

Campeonato Brasileiro - 10ª rodada

Inter

Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Pedro Henrique e Paulo Victor; Rodrigo Dourado e Johnny; Caio Vidal, Mauricio e Patrick; Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

São Paulo

Tiago Volpi; Bruno Alves, Arboleda e Léo; Daniel Alves, Luan, Liziero, Benítez e Reinaldo; Rigoni e Eder. Técnico: Hernán Crespo.

Arbitragem: Bruno Arleu de Araújo (RJ)

Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Michael Correia (RJ)

VAR: Rodrigo Nunes de Sa (RJ)

Data e Horário: 7 de julho, às 21h30min.

Local: Estádio Beira-Rio, Porto Alegre (RS)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...