Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde
Mais 942 mil doses da vacina contra o coronavírus da Janssen chegam ao Brasil
Remessa completa o envio de 3 milhões de imunizantes provenientes do acordo com o governo americano.
o sul
por  o sul
26/06/2021 16:22 – atualizado há 2 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

O Brasil recebeu, na manhã deste sábado (26), um lote com 942 mil de doses da vacina da Janssen contra Covid-19, doadas pelos Estados Unidos, sem relação com o consórcio Covax Facility. A remessa completa o envio de 3 milhões de imunizantes provenientes do acordo com o governo americano. A aeronave pousou no Aeroporto Internacional de Viracopos às 6h29.

Inicialmente, o Ministério da Saúde havia informado que as 3 milhões de doses doadas pelos Estados Unidos chegariam ao Brasil em um único voo. No entanto, a logística foi alterada e a pasta disse que o lote precisou ser fracionado por conta do peso. Por isso, foram enviadas 2,05 milhões de vacinas na sexta-feira (25) e outras 942 mil neste sábado.

Na sexta-feira, a chegada das vacinas da Janssen doadas pelo governo americano teve a presença do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, além do embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman, o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), e outras autoridades. As 3 milhões de doses serão distribuídas em todas as unidades da federação.

A vacina da Janssen, do grupo Johnson & Johnson, é aplicada em dose única. Ela pode ser armazenada por pelo menos três meses, em temperaturas de 2°C a 8°C, equivalente a geladeiras normais. A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o uso emergencial do imunizante da Janssen no Brasil em 31 de março de 2021.

A doação das 3 milhões de doses ao Brasil é a maior já feita pelo governo americano a qualquer país até agora. O principal assessor do presidente Joe Biden para a América Latina afirmou que a doação ao Brasil reflete “o foco dos EUA para combater a Covid numa das regiões mais afetadas pela pandemia”. A intenção da Casa Branca é compartilhar 55 milhões de vacinas em todo o mundo.

Além do lote de doação que desembarca nesta sexta-feira, o Brasil já recebeu 300 mil imunizantes da Janssen na quinta-feira (24) e 1,5 milhão na terça-feira. As doses foram compradas pelo governo brasileiro, que prevê a entrega de 38 milhões provenientes do acordo com a farmacêutica. A vacina começa a ser aplicada no Brasil nesta sexta.

Como é a vacina

Janssen é a vacina desenvolvida pela divisão farmacêutica do grupo Johnson&Johnson, que leva o mesmo nome. O imunizante apresentou eficácia de 66% para os casos moderados a graves, e de 85% para os casos graves.

A eficácia mínima recomendada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e pela Anvisa é de 50%. O imunizante usa a tecnologia de vetor viral e funcionou contra a variante da África do Sul, a mais contagiosa. A companhia diz ter o objetivo de fornecer 1 bilhão de doses da vacina em todo o mundo em 2021.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...