Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação
Cidade
Secretaria de Assistência Social promove bate-papo online sobre violência contra o idoso
Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa é comemorado no dia 15 de junho.
Ascom
por  Ascom
14/06/2021 14:13 – atualizado há 15 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

A Secretaria de Assistência Social, promove nesta terça-feira (15), Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, um bate-papo online sobre os tipos de violência, conforme o Estatuto do Idoso, com usuários das três unidades do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), às 8h30. A atividade será realizada pelo Google Meet, neste link: https://meet.google.com/uwd-cbqs-bgs

O bate papo com a equipe do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS), será composto pela psicóloga, Kátia Dick, pela assistente social, Raquel Furini da Silva, pela psicóloga, Carina Faturi e pela psicóloga Itiele Sotili Monari.

Tipos de violência, conforme o Estatuto do Idoso

Financeira ou material: existe quando as pessoas usam de convencimento criminoso ou fraudam assinaturas ou documentos para se beneficiar de bens, fazer empréstimos, financiamentos ou se adonar da aposentadoria e/ou benefícios da pessoa idosa.

Psicológica: são ações que causam danos emocionais e diminuição da autoestima, prejudicando ou perturbando o desenvolvimento do idoso, como ameaças, constrangimentos, xingamentos, humilhações, chantagens, menosprezo, entre outros.

Física: manifesta-se sobre várias formas, como bater, perfurar, queimar, empurrar, fechar, reter, enclausurar, dar medicação de forma errada, deixar de dar ou levar ao tratamento médico, psicológico, fisioterapêutico, dentre outros, conforme orientação profissional e necessidade.

Abandono: acontece quando a pessoa idosa é privada do convívio familiar, internada contra a vontade ou deixada sem assistência médica, psicológica ou alimentar. O abandono pode desencadear doenças ou até levar a morte.

Sexual: acontece quando a pessoa idosa é levada a ter relação sexual ou prática erótica por meio do aliciamento, ameaça ou violência física.

Negligência: omissão em ofertar todo e qualquer tipo de assistência médica, psicológica, alimentar, de necessidades básicas de higiene, vestuário, entre outras.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...