Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação
Cidade
Estiagem provoca racionamento de água em Chapecó
Bairros das regiões baixas terão corte no abastecimento durante toda a noite.
ClicRDC
por  ClicRDC
30/04/2021 14:47 – atualizado há 17 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

A Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (CASAN) informou, nesta sexta-feira (30), que o abastecimento de água será suspenso na parte da noite em 14 bairros de Chapecó. Segundo a empresa, a suspensão foi adotada devido à redução do volume de água na Barragem do Engenho Braun, conhecida como a Captação do Lajeado São José.

A manobra operacional no Sistema de Abastecimento de Chapecó entra em vigência a partir de domingo (2). A Casan comunicou que o objetivo é evitar transtornos maiores caso a estiagem se prolongue.

Saiba como vai funcionar

Serão abastecidas das 7h às 19h as regiões baixas dos bairros Alvorada, Cristo Rei, Eldorado, Jardim Itália, Lajeado, Palmital, Passo dos Fortes, Quedas do Palmital, SAIC, Santa Paulina, Santo Antônio, Santos Dumont, Seminário e Universitário. A Casan informou que estas áreas mais baixas dos bairros são de recuperação rápida, o que permite que quando o sistema seja religado durante a manhã e o reabastecimento ocorra de forma mais rápida.

Divulgação

Os demais bairros não farão parte das manobras neste primeiro momento, mas a Companhia emite um alerta geral. “Os moradores dos bairros não afetados são os que mais podem colaborar, usando água somente para higienização e produção de alimentos”, diz o Chefe da Agência local, Bruno Eleotero. “O comportamento do consumo nos bairros não afetados vai balizar as próximas ações no sistema”, complementa o engenheiro.

As manobras operacionais preservarão as unidades de saúde e os hospitais. Caminhões-pipas estão à disposição para eventuais emergências, que devem ser acionadas pelo contato 0800 643 0195.

O Superintendente Regional do Oeste, Daniel Scharf, lembra que todas as medidas executadas pela Companhia desde o ano passado fazem com que o fornecimento chegue a todas as áreas da cidade apesar da falta de chuvas. Mesmo com pouca água chegando à captação, a dragagem no Lajeado São José permite, hoje, um acúmulo bem maior de água, atuando como um grande reservatório natural.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...