Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde
Agora Não: campanha reforça restrições para enfrentamento da Covid-19
Diante do aumento do número de casos de Covid-19 no RS e devido à proximidade das festas de fim do ano, o governo anunciou novas medidas para enfrentamento à pandemia.
Assessoria Gov/RS
por  Assessoria Gov/RS
04/12/2020 08:01 – atualizado há 18 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

Diante do aumento do número de casos de Covid-19 no Rio Grande do Sul e devido à proximidade das festas de fim do ano, o governo do Estado anunciou novas medidas para enfrentamento à pandemia. Entre as quais, está o reforço na campanha de comunicação para conscientizar a população sobre a importância de seguir os protocolos.

Complementando a campanha “#TeCuidaRS”, lançada em 11 de novembro, “AGORANÃO.RS” é a mensagem que estampa as novas peças publicitárias do governo, que passam a circular na televisão, nas redes sociais e nas rádios a partir desta quinta-feira (3/12).

“Esta mensagem alerta para que tenhamos mais cuidado e respeito ao próximo. Precisamos nos cuidar e cuidar dos outros. E isso não vale apenas para grandes eventos ou balada, pois, segundo o novo decreto, aglomeração já se configura na reunião de mais de seis pessoas. Por isso, precisamos nos conscientizar de que ‘AGORA NÃO’ é a hora de churrasco com os amigos, festas e comemorações”, afirmou a secretária de Comunicação, Malu Macedo.

Entre as medidas publicadas no Decreto 55.609, válidas do dia 1° ao dia 14 de dezembro, estão a suspensão temporária do sistema de cogestão e alterações em protocolos de bandeira vermelha (risco epidemiológico alto), como a suspensão de eventos e festas de fim de ano, inclusive condomínios, incentivo à restrição de reuniões privadas e familiares, além do reforço na campanha de comunicação e a ampliação da fiscalização dos protocolos.

“Agora, o que queremos é que as pessoas se encontrem menos, em festas e confraternizações, ou mesmo em parques e locais públicos, onde tendem a se cuidar menos. Não é hora de aglomerações. Reduzir contatos é muito importante neste momento, porque quebramos o ciclo de contágio”, explicou o governador Eduardo Leite ao divulgar as ações na segunda-feira (30/11).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...