Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Economia
Caixa Tem ganha atualização para resolver longas filas mas reclamações continuam
Apesar de o banco afirmar que as filas estão diminuindo, usuários que tentam acessar o Caixa Tem continuam reclamando de lentidão e instabilidade .
Redação
por  Redação
10/07/2020 15:28 – atualizado há 53 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

A Caixa afirmou nesta quinta-feira (9) que problemas para acessar o aplicativo Caixa Tem acontecem por causa do grande número de acessos ao mesmo tempo. O sistema é utilizado para movimentar as poupanças digitais que recebem depósitos do auxílio emergencial, do FGTS emergencial, do abono do PIS e do BEm (Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda). Há pelo menos uma semana trabalhadores relatam dificuldades com o aplicativo. Entre os problemas enfrentados estão fila para entrar e falha na hora de pagar boletos ou ver o saldo.

De acordo com Cláudio Salituro, vice-presidente de Tecnologia e Digital do banco, o Caixa Tem havia sido projetado para atender 1 milhão de usuários a cada 12 meses. No entanto, a pandemia de coronavírus pegou a Caixa e o governo de surpresa, multiplicando o número de acessos e a quantidade de pagamentos feitos por meio do sistema. A Caixa divulgou que, só nesta quarta (8), foram realizadas 2,55 milhões de transações nas poupanças digitais, incluindo transferências, pagamentos por cartão virtual, pagamentos de boletos e saques.

Segundo o vice-presidente, o Banco adquiriu um sistema dinamarquês para gestão de filas, que foi usado em grandes eventos como a Copa do Mundo e em shows de rock. Ele afirmou que a fila para acessar o Caixa Tem chegou a ter duração de mais de uma hora, mas que esse tempo havia caído para 35 minutos no início da tarde desta quinta-feira.

Divulgação Caixa

A Caixa Econômica Federal anunciou mudanças que procuravam solucionar os problemas técnicos relatados no acesso ao aplicativo Caixa Tem. Entre as principais reclamações estavam filas muito demoradas e falhas no app, que é usado para liberação do auxílio emergencial do governo e, mais recentemente, do FGTS emergencial. No entanto, o problema persiste, segundo usuários.

Com o intuito de evitar mais problemas a Caixa decidiu que vai fazer mudanças no aplicativo e ampliar a validade da sessão de cada usuário pelo período de 72 horas.

A ideia é evitar que o beneficiário retorne para o final da fila virtual caso queira fazer um novo acesso neste período. Essa mudança no aplicativo já está acontecendo.

O Caixa Econômica Federal, esclareceu que o aplicativo estará disponível pelo período de 24 horas por dia, pelos sete dias da semana. Apesar disso, devido à magnitude de acesso ao aplicativo, cerca de 550 mil instantâneos por hora, podem acontecer algumas instabilizações.

Usuário deve checar atualizações

Cláudio Salituro reforçou o pedido da Caixa para que o usuário sempre verifique se existe uma nova atualização disponível do aplicativo. Ele disse que a área de tecnologia do banco está trabalhando para melhorar o sistema.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...