Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Audiência no Paraguai decide manter Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis na prisão
Os advogados de defesa dos irmãos haviam entrado com um recurso, pedindo a transferência dos dois para prisão domiciliar.
GZH
por  GZH
10/03/2020 11:01 – atualizado há 10 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

Em audiência realizada na manhã desta terça-feira (10), no Palácio da Justiça, o Ministério Público do Paraguai decidiu manter Ronaldinho e seu irmão, Roberto de Assis Moreira, presos na Agrupación Especializada da Polícia Nacional, em Assunção, enquanto o caso é investigado pela Justiça do país.

— O júri rechaçou o pedido da Defesa e tanto Ronaldo como Roberto vão seguir em prisão preventiva — declarou o promotor Osmar Legal.

Os advogados de defesa dos irmãos haviam entrado com um recurso, pedindo a transferência dos dois para prisão domiciliar. Ambos estão sendo investigados por envolvimento em lavagem de dinheiro, depois de ingressarem no país com passaportes e carteiras de identidade falsas na última semana.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE