Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Número de mortes no trânsito no RS cai 4,7% em 2019, período menos violento em 13 anos
Quantidade de acidentes fatais caiu nas rodovias estaduais e apresentou leve alta nas vias federais
GZH
por  GZH
02/03/2020 14:31 – atualizado há 18 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

Pelo segundo ano consecutivo, o Rio Grande do Sul registrou queda no número de mortes no trânsito. Em 2019, foram 1.591 óbitos em vias municipais, estaduais e federais — retração de 4,7% se comparado ao mesmo período de 2018, segundo dados divulgados pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS). Colocando uma lupa sobre a série histórica, 2019 aparece como o ano com menos vidas perdidas em acidentes de trânsito no Estado nos últimos 13 anos.

Comparando com 2010, ano com maior número de mortes em acidentes, 2.190, 2019 apresenta recuou de 27%. No ano passado, colisão (frontal, traseira ou transversal) segue liderando entre os tipos de acidente com maior número de mortes no Estado (507), seguida por Atropelamento (325) e Colisão Lateral (175).

No entendimento do diretor-geral do Detran-RS, Enio Bacci, os números são reflexo de uma tendência observada no Estado nos últimos anos. Admitindo que o número de mortes segue elevado, Bacci destaca, em nota, que ações desempenhadas desde 2010 estão contribuindo para essa curva descendente:

“Desde 2010, quando teve início a Década de Ação pela Segurança no Trânsito, o RS vem se destacando no cenário nacional com a redução gradativa das mortes no trânsito. Isso se deve a seriedade e consistência de programas de educação e fiscalização realizados pelo Detran-RS e outros órgãos de trânsito das esferas municipal, estadual e federal”.

Mortes em rodovias 

Em 2019, 1.448 acidentes fatais foram registrados — 40 a menos que em 2018. As rodovias estaduais e federais, trechos que recebem o maior volume do tráfego no Estado, seguem liderando a lista de tipos de vias com maior número de acidentes, totalizando 847 ocorrências. O número de acidentes fatais nos trechos estaduais recuou 10%, caindo de 516 por 464. Nas federais, o total cresceu 1,5%, subindo de 377 para 383.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE