Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Leandro Rodrigues / Agência RBS
Professores estaduais encerram greve após 57 dias de paralisação
Por 725 votos a 593, os docentes filiados ao Cpers-Sindicato optaram por voltar às salas de aula.
GZH
por  GZH
14/01/2020 18:35 – atualizado há 2 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

Em assembleia realizada na tarde desta terça-feira (14), os professores estaduais decidiram encerrar a greve da categoria. Por 725 votos a 593, os docentes filiados ao Cpers-Sindicato optaram por voltar às salas de aula após 57 dias.

A assembleia ocorreu no pátio do Colégio Cândido José de Godoi, bairro Navegantes, zona norte de Porto Alegre. Na chegada, os participantes registraram entrada e receberam credencial com o ticket no qual registrariam o voto.

O encontro foi polarizado, com muitas vaias e aplausos tanto por parte dos que desejavam o fim da greve quanto daqueles que queriam a continuidade da paralisação. Após as manifestações de representantes da categoria, 10 urnas foram instaladas para a votação.

Funcionários do Cpers realizaram a apuração acompanhados de fiscais. Pouco depois das 17, a totalização foi concluída e o resultado anunciado.

— Seguiremos mobilizados e rejeitando essa proposta do governador Eduardo Leite. Já a partir de amanhã (quarta-feira, 15) deveremos voltar às salas de aula — disse a presidente do sindicato, Helenir Schürer.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE