Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde
Baixa umidade causa efeitos ao corpo e alguns cuidados podem ser tomados
Nesta quinta-feira (26) e nos próximos dias, a previsão de sol e calor deve manter os índices baixos.
GZH
por  GZH
26/12/2019 11:51 – atualizado há 3 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

O Rio Grande do Sul registrou baixa umidade relativa do ar nesta quarta-feira (24), condição que inspira atenção, pelos efeitos sobre o organismo humano.

Nesta quinta-feira (26) e nos próximos dias, a previsão de sol e calor deve manter os índices baixos. Confira abaixo os efeitos no organismo e os cuidados a serem tomados.

Escala psicrométrica – classificação dos estados de criticidade*

Entre 21% e 30% - Estado de Atenção

Cuidados a serem tomados

  • Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11h e 15h
  • Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água, molhamento de jardins, etc.
  • Sempre que possível permanecer em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas, etc
  • Consumir água à vontade

Entre 12% e 20% - Estado de Alerta

Cuidados a serem tomados

  • Observar as recomendações do estado de atenção
  • Suprimir exercícios físicos e trabalhos ao ar livre entre 10 e 16 horas
  • Evitar aglomerações em ambientes fechados
  • Usar soro fisiológico para olhos e narinas

Abaixo de 12% - Estado de Emergência

Cuidados a serem tomados

  • Observar as recomendações para os estados de atenção e de alerta
  • Determinar a interrupção de qualquer atividade ao ar livre entre 10h e 16h como aulas de educação física, coleta de lixo, entrega de correspondência, etc.
  • Determinar a suspensão de atividades que exijam aglomerações de pessoas em recintos fechados como aulas, cinemas, etc., entre 10h e 16h
  • Durante as tardes, manter com umidade os ambientes internos, principalmente quarto de crianças, hospitais, etc.

*Fonte: Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas aplicadas à Agricultura (Cepagri), da Universidade de Campinas (Unicamp)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...